O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

"Mãe Só Há Uma" marca arranque da programação regular no Cinema Trindade

16 fev, 2017 - 07:24

O renovado espaço vai receber, ao longo de Fevereiro, um ciclo intitulado "Inéditos no Porto".
A+ / A-
Cinema Trindade reabre este domingo, 17 anos depois
Cinema Trindade reabre este domingo, 17 anos depois

O cinema Trindade, no Porto, inicia a programação regular com a exibição do filme “Mãe Só Há Uma”, da realizadora brasileira Anna Muylaert. Esta sessão deve contar com a presença do presidente da Câmara do Porto.

Para além desta estreia, às 19h00, da quinta longa-metragem da realizadora natural de São Paulo, o dia de arranque da programação regular conta ainda com as projecções de dois filmes que não obtiveram semanas completas de exibição no Porto, como referiu a Nitrato Filmes em comunicado: “Boi Neon”, de Gabriel Mascaro, de 2015, e “O Ornitólogo”, de João Pedro Rodrigues, de 2016.

O cinema Trindade vai receber, ao longo de Fevereiro, um ciclo intitulado “Inéditos no Porto”, em que se exibirão, entre outros, os filmes "Mate-me Por Favor", de Anita Rocha da Silveira, "A Vida Privada dos Hipopótamos", de Maíra Bühler e Matias Mariani, "Cabelo Rebelde", de Mariana Rondón, ou "As Acácias", de Pablo Giorgelli.

O ciclo nunca antes exibido na cidade vai contar também com o filme póstumo de Eduardo Coutinho, "Últimas Conversas", com apresentação de Jorge Campos.

Para além de “Silêncio”, de Martin Scorsese, e “Moonlight”, de Barry Jenkins, o cinema Trindade vai receber, ainda em Fevereiro, “Toni Erdmann”, da realizadora alemã Maren Ade.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.