A+ / A-

Vinho Verde Wine Fest de volta à Alfândega do Porto

12 jul, 2018 - 14:54

Uma oportunidade para festejar "a diversidade que é o vinho verde".
A+ / A-

A Alfândega do Porto recebe, de 12 a 15 de julho, o Vinho Verde Wine Fest, com mais de 300 variedades de vinhos, de mais de 30 produtores da região. O investimento é o maior de sempre: 200 mil euros estão envolvidos na produção do evento. Vinhos brancos, tintos, rosados e espumantes fazem parte do menu de provas, que envolvem ainda queijos e chocolates.

Mais do que uma conjugação sensorial de sabores e aromas, o Vinho Verde Wine Fest traz ao Porto uma descoberta e a possibilidade de aprofundar conhecimentos acerca da história e envolvência do setor, com o auxílio de enólogos que também participam no evento.

É uma oportunidade para "festejar a diversidade que é o vinho verde", como explica, à Renascença, o presidente da Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV), Manuel Pinheiro. "Os Alvarinhos, de lá de cima, do Vale do Minho, os Loureiros, do Vale de Lima, o Avesso, que se produz na zona de Baião, em fronteira com o Douro" são alguns dos vinhos portugueses em destaque.

“O vinho não é um produto nada complicado", garante Manuel Pinheiro, que aproveita também para realçar que o vinho português é “único no mundo”. A tradição que envolve “15 000 agricultores e 600 empresas engarrafadoras” tem no Vinho Verde Wine Fest “um momento alto para dar a conhecer a diversidade do vinho verde”.

Cocktails exclusivos e as propostas de seis restaurantes e petiscarias são algumas das apostas para a quinta edição do festival. “Vamos ter mais provas de vinho, vamos ter harmonizações vinho-gastronomia e vamos ter uma zona de provas rápidas, a que chamamos speed tasting, em que os visitantes vão poder provar os vinhos e distinguir o que são as várias castas de vinho verde", acrescenta o presidente da CVRVV.

Manuel Pinheiro salienta que este não é um evento apenas para especialistas ou provadores habituais de vinho. Para além de possibilitar um encontro entre visitantes e produtores, os mais novos não ficam de fora e há outros atrativos que o presidente da Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes propõe.

No sábado, haverá um programa destinado às famílias, que vai levar os mais jovens até um atelier agrícola para que eles plantem vinhas, para que tenham algum contacto com a terra e saibam mais sobre a biologia da planta. No domingo de manhã, haverá um encontro de automóveis antigos que vão passear ao longo do rio Douro.

Os próximos dias vão ser marcados por momentos de lazer e provas de vinhos ao som de DJs convidados, na Alfândega do Porto. O Vinho Verde Wine Fest convida a brindes, mas com moderação.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.