A+ / A-
Sporting

Paulo Sousa e Matías Almeyda lideram corrida à sucessão de Jesus

13 jun, 2018 - 09:29

O Sporting pretende apresentar treinador na próxima semana. Sousa é o favorito, mas pode demorar. Almeyda está disponível.
A+ / A-

O português Paulo Sousa e o argentino Matías Almeyda estão na linha da frente para suceder a Jorge Jesus, no comando técnico do Sporting, diz o "Record". O clube leonino anunciará novo treinador na próxima semana.

Sousa é o desejado dos leões. O técnico, de 47 anos, está insatisfeito na China, segundo o mesmo jornal, e procura um novo desafio. Conhece os cantos à casa, fruto de ter representado os leões, enquanto jogador, e não precisaria de tempo de adaptação ao futebol português.

O problema é que Paulo Sousa ainda está ligado ao Taijin Quanjian e separar-se dos chineses levaria tempo que o Sporting não quer gastar, devido à necessidade de apresentar rapidamente o novo treinador.

Nesse sentido, a contratação de Almeyda seria mais simples e mantém-se em cima da mesa, como uma espécie de plano B. O técnico argentino, de 44 anos, rescindiu, na terça-feira, o contrato que o ligava aos mexicanos do Chivas, devido a divergências com o dono do clube.

O agente garantiu, ao "Record", que ele e Almeyda estão "conscientes do interesse do Sporting" e que a possibilidade agrada ao treinador. Além disso, está a tempo de ser apresentado na próxima semana.

Resta esperar pelo desenrolar da situação, sendo certo que a pré-época do Sporting arranca a 21 de junho e o presidente do clbue, Bruno de Carvalho, pretende anunciar o sucessor de Jesus, que rumou ao Al Hilal, na próxima semana, conforme comunicado pelo clube, na terça-feira.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.