A+ / A-

Já há nova definição de "mulher" no dicionário

22 mai, 2018 - 12:38

O canal televisivo FOXlife e o dicionário 'online' Priberam desafiaram os portugueses a mudar a definição de "mulher" no dicionário.
A+ / A-

O dicionário tem uma nova de definição de mulher.

Depois da análise de 500 propostas, o dicionário online Priberam passou a definir mulher como sendo "ser humano do sexo feminino ou do género feminino; pessoa do sexo ou género feminino, depois da adolescência; pessoa do sexo ou género feminino casada com outra, em relação a esta; pessoa do sexo ou género feminino com quem se mantém uma relação sentimental e/ou sexual; conjunto de pessoas do sexo ou género feminino; que tem qualidades ou atributos considerados tipicamente femininos (ex: mulher da vida: [depreciativo] meretriz, prostituta; mulher de armas [figurado] corajosa, guerreira, lutadora".

Durante três semanas, o movimento "A palavra mulher definida por nós" levou a que centenas de pessoas deixassem o seu contributo no site site www.palavramulher.pt para alterar o significado da palavra "mulher". O resultado é revelado esta terça-feira.

Antes da alteração, o Priberam tinha como definição"pessoa adulta do sexo feminino; conjugue ou pessoa do sexo feminino com quem se mantém uma relação sentimental e/ou sexual; pejorativo: mulher pública: meretriz".

"A versão agora online é bastante mais completa e ajustada ao uso real", entende Cláudia Pinto, linguista da empresa que detém este dicionário online.

As cantoras Simone de Oliveira e Gisela João, o estilista Luís Buchinho, a atleta Vanessa Fernandes, a cientista Raquel Oliveira e o 'Chef' José Avillez, são algumas das personalidades que contribuíram para a nova definição de mulher.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.