O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Ouvir Emissão
Acabou de Tocar LEANN RIMES - CAN'T FIGHT THE MOONLIGHT Acabou de Tocar

Últimas NotíciasMundial 2014PortoSportingBenficaFutebol NacionalFutebol InternacionalModalidadesClubePortugalEspecial de CorridaEspeciaisPodcast

Zlatan Ibrahimovic

Ibra vs. Ronaldo? "Não, é Suécia contra Portugal"

  • Áudio Ibrahimovic elogia Pepe e Bruno Alves

  • Áudio "Temos de fazer dois bons jogos com Portugal"

  • Áudio Ibrahimovic e o duelo com Ronaldo

Conferência de imprensa produtiva do capitão dos nórdicos. Disputa pela Bola de Ouro, momento que atravessa, as "duas finais" entre Portugal e Suécia e até Pepe e Bruno Alves no discurso. Zlatan abre o livro.
13-11-2013 15:10

Zlatan Ibrahimovic confessa-se entusiasmado com o mediatismo que o duplo embate entre Portugal e Suécia está a recolher, afirmando mesmo gostar do grau de dificuldade que a eliminatória dos "play-off" de acesso ao Mundial 2014 vai assumir.

"Se fosse fácil demais, não teria piada", afirmou o avançado e capitão dos nórdicos, esta quarta-feira, em conferência de imprensa de antevisão da partida da primeira mão, marcada para sexta-feira, no estádio da Luz.

Contudo, o facto da comunicação social estar a centrar o confronto decisivo entre a Selecção Nacional e suecos no duelo individual entre "Ibra" e Cristiano Ronaldo não está a agradar ao avançado do PSG.

"Não devemos concentrar-nos em apenas dois jogadores, é Suécia contra Portugal. O que importa é o colectivo e, para ter êxito, todos devemos jogar bem", realçou, não se mostrando incomodado, todavia, com o "ruído" em torno do tema.

"Não sou eu que tenho estado a falar de mim e do Ronaldo, tem sido a comunicação social a falar disso. A mim, não me afecta nada. Faz parte do meu trabalho profissional. Não somos nós que decidimos sobre quem se fala, são os media que fazem isso. Penso que a ideia é criar uma tensão crescente em torno deste jogo, mas acho que é bom para os adeptos porque, assim, têm algo para ler sobre o assunto", acrescentou.

Ainda no que diz respeito ao assunto e, sobretudo, à disputa pela Bola de Ouro, Ibrahimovic sustenta a ideia de que a decisão, uma vez mais, será entre Ronaldo e Messi. Mas Ribéry pode ainda intrometer-se na luta.

Em relação ao jogo dentro das quatro linhas, o dianteiro de 32 anos prevê "duas finais" entre Portugal e Suécia. No fundo, será decisivo: "Vejo a eliminatória como duas finais e temos de jogar bem nas duas".

No ataque à baliza de Rui Patrício, Ibrahimovic terá pela frente a oposição de Pepe e Bruno Alves. Para o sueco, será um "desafio".

"Pepe e Bruno Alves são jogadores agressivos, fortes fisicamente. Não será fácil. Terei de jogar como sei e tentar encontrar soluções. Será um desafio", completou.

O Portugal-Suécia, da primeira mão dos "play-off" de acesso ao Mundial 2014, disputa-se na sexta-feira, a partir das 19h45, no estádio da Luz. A arbitragem fica a cargo do italiano Nicola Rizzoli. Jogo com relato na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

PARTILHAR

  • PUB

Deixe aqui o seu comentário relativo a este artigo. Todos os comentários estão sujeitos a mediação.

Tem 1500 caracteres disponíveis

Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.


Entrar Renascença V+
Músicas do Mundo junta israelitas e palestinianos em tempo de guerra



INFORMAÇÃO      BOLA BRANCA      PROGRAMAÇÃO      MÚSICA      MULTIMÉDIA      OPINIÃO