O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

​Sábado gordo

12 mai, 2017 • Opinião de Ribeiro Cristovão


Os adeptos têm um dia muito preenchido com dois desafios a assumirem especial destaque, em especial aquele que no estádio da Luz vai colocar em confronto o Benfica e o Vitória de Guimarães.

Não será fácil chegar tão cedo a um dia recheado de acontecimentos tão importantes como o próximo sábado. E são de vária índole, sendo o mais importante, sem dúvida, a visita do Papa Francisco a Fátima, para ali se juntar a mais de um milhão de peregrinos.

Os adeptos do futebol têm também um dia muito preenchido com dois desafios a assumirem especial destaque, em especial aquele que no estádio da Luz vai colocar em confronto o Benfica e o Vitória de Guimarães naquele que poderá vir a tornar-se no jogo do título.

Aos encarnados falta uma vitória para atingir esse desiderato, mas os vimaranenses não virão certamente até à capital apenas para participar na festa.

Todos sabemos com que espírito esta equipa minhota encara momentos tão importantes como este, pelo que a única coisa que pode esperar-se da sua parte é uma resistência sem limite, recusando o papel de simples figurante.

É verdade que o Vitória de Guimarães já tem a sua posição definida quanto à classificação final. O quarto lugar pertence-lhe, independentemente do que venha a acontecer nas duas jornadas que estão por cumprir.

E tem, poucos dias depois, perante o mesmo adversário um jogo bem mais decisivo que, compreensivelmente, é o da final da Taça de Portugal, no qual se acredita o treinador Pedro Martins esteja a colocar todas as fichas.

Se o Benfica vencer o desafio de amanhã, a festa seguirá para a Praça do Marquês de Pombal, ao que parece já reservada para o efeito.

Aleatório, como sempre, o futebol pode trazer confirmações ou surpresas.

Aparte isso, o que se deseja em que tudo decorra dentro da normalidade.

Um dia tão especial, só pode terminar com nota muito positiva.

Artigos AnterioresRibeiro Cristovão
 

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.