O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Economia das Coisas
O que não sabe, mas vai gostar de saber sobre Economia. Segundas-feiras às 9h40 e 17h40 (reposição)
A+ / A-
Arquivo
Economia das Coisas - As sapatilhas maravilha - 15/01/2018
Economia das Coisas - As sapatilhas maravilha - 15/01/2018
Economia das Coisas

Sapatilhas maravilha

15 jan, 2018 • Paulo Ribeiro Pinto


Quantas pessoas encontra ao longo do dia com sapatilhas ou ténis (depende da zona do país onde está) nos pés?

Se até há bem pouco tempo os ténis ou sapatilhas eram um mero artigo utilitário de desporto ou para fazer umas caminhadas, hoje são usados em várias ocasiões.

Como explicar estas variações, muitas vezes cíclicas, na procura de um determinado bem?

A economia clássica explica-nos que as preferências dos consumidores são fixas e o que provoca variações na procura são alterações de preço ou de rendimento. Mas, no caso das modas, a teoria é muitas vezes ultrapassada pela realidade e, neste caso, as celebridades ou pessoas com influência são a origem destas tendências.

A directora do curso executivo de gestão de marcas de luxo do ISEG, Helena Neto, explica como é que as marcas recorrem a este "truque" – chamemos-lhe assim – para reactivar modelos ou marcas, muitas com origem na década de 70 do século passado.

As sapatilhas ou ténis são apenas um exemplo.

Para críticas e sugestões pode enviar um e-mail para paulo.pinto@rr.pt.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.