Sementes de Reflexão
A+ / A-

Segunda-feira, 22 de outubro de 2018

22 de outubro de 2018


Do Evangelho segundo São Lucas
Sementes - 22/10/2018
Sementes - 22/10/2018

(…) Jesus (…) disse-lhes esta parábola: «O campo dum homem rico tinha produzido excelente colheita. Ele pensou consigo: ‘Que hei-de fazer, pois não tenho onde guardar a minha colheita? Vou fazer assim: Deitarei abaixo os meus celeiros para construir outros maiores, onde guardarei todo o meu trigo e os meus bens. Então poderei dizer a mim mesmo: Minha alma, tens muitos bens em depósito para longos anos. Descansa, come, bebe, regala-te’. Mas Deus respondeu-lhe: ‘Insensato! Esta noite terás de entregar a tua alma. O que preparaste, para quem será?’ Assim acontece a quem acumula para si, em vez de se tornar rico aos olhos de Deus».
A vida vale mais do que as coisas! Jesus previne os seus discípulos contra o apego às riquezas, e, por meio de uma pequena parábola, lembra como é frágil esta vida. A lição é hoje tão oportuna como no tempo de Jesus, pois, talvez como nunca, tudo nos encaminha para a procura e uso dos bens materiais.


Pode ouvir o Evangelho na Renascença, diariamente, pelas 6h58, 15h30 e 23h58.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.