O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

António Costa ganha quatro vezes menos do que Merkel e mais nove euros que Rajoy

27 mar, 2016 - 12:40

O primeiro-ministro português é o 13º mais bem pago entre as 15 economias mais ricas da União Europeia. Muito longe do salário de Merkel, da média Europeia, mas com um vencimento superior ao do líder do último governo espanhol.
A+ / A-

São os mais altos cargos das nações europeias bem pagos? Será que os políticos ganham o suficiente para as responsabilidades que têm? Mas se a discussão de argumentos a favor e contra a estas perguntas será permanente, podemos pelo menos comparar os valores salariais entre chefes de governo da União Europeia e as diferenças. António Costa, primeiro-ministro português, ganha por ano quatro vezes menos do que a chanceler alemã Angela Merkel.

Os dados são referentes a 2015 e foram publicados este domingo pelo diário espanhol “El Mundo”, que utiliza como fonte o “CNN Money”, agregando as 15 economias mais ricas da União Europeia.

Os valores apresentados permitem perceber que os 78.194 euros anuais que António Costa recebe, chegam ainda assim para ficar à frente do homólogo espanhol, Mariano Rajoy, no ranking dos líderes mais bem pagos da União Europeia. Ainda assim, o chefe de governo português recebe apenas mais nove euros por ano. Ou seja, apenas alguns cêntimos a mais por mês.

Costa fica muito longe dos 290 mil euros de Angela Merkel, que lidera a tabela remuneratória dos chefes de governo da União Europeia. O salário do primeiro-ministro português pode ainda ser comparado com a média europeia, e nessa análise percebe-se que Costa ganha menos de metade do que a média dos congéneres europeus (166.001,79 euros).

Fonte: "El Mundo"

Já Alexis Tsipras, na Grécia, tem um salário superior ao de António Costa. Mais sete mil euros por ano.

Há algumas discrepâncias relevantes, Rajoy, que chefia a quarta maior potência económica da União Europeia, é o 14º mais bem pago (78.185 euros).

Há outros números, que só se percebem à luz da regra de que é cada estado a fixar o salário do seu chefe de Estado.

O presidente da Lituânia, Dalia Grybauskaite, que lidera um país que não figura na lista das maiores 15 potências económicas da União, é quem tem o salário mais alto de todos. Ganha 312 mil euros, mais 22 mil euros por ano do que Merkel.

No pólo oposto está o presidente da Eslovénia, Borut Pahor, que recebe 36.000 euros.

Fora da União Europeia, os dados da “CNN Money” mostram que o presidente norte-americano tem um salário anual de 356.105 euros e que o primeiro-ministro canadiano, Justin Trudeau, ganha 312 mil euros por ano.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • beirão
    29 mar, 2016 Lisboa 00:28
    Mau ; Mau ; Mau ; Pelos vistos fica-lhe bem o cognome de o Usurpador !!! Já usurpou o lugar ao António Zé Seguro ; Já usurpou o lugar ao Passos Coelho ....... E agora parece que tambem quer usurpar mais umas massas ao Estado , ( quer dizer : ao povo ) !!! Mas então em que ficamos ?
  • Zita
    28 mar, 2016 Llisboa 07:53
    Ora aí está uma notícia!!! é o "13º mais bem pago entre as 15 economias mais ricas da União Europeia", mas nós somos uma das economias mais ricas? Eu pensava que éramos tão pobres que até temos uma taxa de solidariedade nos nossos salários! eu pensava que éramos tão pobres que tínhamos pedido dinheiro emprestado, porque não tínhamos dinheiro para pagar salários à função pública, e aos pensionistas etc. aliás muito deste dinheiro proveniente da economia mais rica, a Alemanha, talvez esteja enganada! parece-me que o mais normal é que se ganhe de acordo com ser mais rico ou mais pobre. Porque é que não falam de quem de facto produz e é o mais mal pago da Europa, os portugueses que sustentam esta classe de parasitas que ganha mais do que merece? Se acham que ganham pouco porque é que se candidatam ao lugar e neste caso concreto, nem a competência de ganhar eleições teve, ocupou o lugar com um golpe de secretaria? É preciso ter muita lata para se dizer o que se diz, nem respeito têm por que trabalha! esbanjam o nosso dinheiro de qualquer maneira e ainda se queixam! Se acham pouco porque se candidatam ao lugar? Porque não vão para o mercado de trabalho? Será porque no mercado de trabalho, não trabalhariam, nem um mês? É que no mercado de trabalho as pessoas para além de trabalhar têm de obter resultados, provar que são bons merecedores de mais ou menos dinheiro, ou de nenhum! O que eu duvido é da competência destes profissionais da política, tenham vergonha!!!!
  • Pinto
    27 mar, 2016 Custoias 22:24
    Porque não falam do desgraçado que ganha o salário mínimo em Portugal em relação aos demais? Sabiam que os políticos ao serviço do capitalismo conseguiram pôr profissões especializadas ao nível do salário mínimo? Conseguiram congelar contratos colectivos e outros durante anos, por exemplo os contratos colectivos dos transportes rodoviários estão congelados desde 1998 pela ANTRAN, GOVERNO e SINDICATOS. Noutras industrias passa-se o mesmo, só não percebo este povo, parece que lhes fizeram uma lavagem cerebral.
  • rosinda
    27 mar, 2016 palmela 21:42
    primeiro ministro presidente da republica tem de ganhar de acordo com as possibilidades do pais que representam! portugal nao reune condiçoes para estar em decimo terceiro dos mais bem pagos!
  • rosinda
    27 mar, 2016 palmela 21:31
    nao podemos comparar portugal com a alemanha!Penso que os ordenados dos presidentes tem que ser mediante as posses de cada pais !
  • Pedro
    27 mar, 2016 Guarda 20:40
    Sempre está melhor aqui do que na India...
  • nuno
    27 mar, 2016 faro 16:16
    Coitadinho, pena que eu tenho dele...vamos angariar fundos?
  • Filipe Fernandes
    27 mar, 2016 vn Famalicão 15:59
    E natural que o Costa ganhe mais uns trocos que o Raroy!!! O gasóleo está mais caro :-)
  • Francisco António
    27 mar, 2016 Lisboa 15:53
    Não é honesto comparar Portugal com a Alemanha que é quase 9 vezes mais povoada ! Nem com a França, Espanha, Reino Unido ou Itália ! Riqueza, industrialização ou desenvolvimento ! Artigos para alimentar a inveja lusitana !
  • Visto cá do norte
    27 mar, 2016 Viana do Castelo 15:20
    Ora vamos lá ver, se os dados são referentes a 2015, então o quem foi durante esse ano o primeiro ministro? Será que de 26/11/2015 data da tomada de posse de António Costa, o obriga a ser ministro durante todo esse ano? Senhores jornalistas, sejam sérios, se querem dar ou mostrar a vossa opinião, façam-no em jornais ou locais desse tipo e não utilizem os meios públicos que são pagos com o nosso dinheiro, o mesmo dinheiro vos paga, para o fazer.