O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Ouvir Emissão
Acabou de Tocar BRUCE SPRINGSTEEN - STREETS OF PHILADELPHIA Acabou de Tocar

Últimas NotíciasPaísMundoPolíticaEconomiaReligiãoCulturaSaúde e CiênciaInfo A-ZEspeciaisSínodoPodcast
Terça à Noite

Assis defende que PS deve fazer aliança à direita

  • Vídeo Assis preocupado com apupos e linguagem "extremista" na política

  • Vídeo PS coligado, só à direita. Paulo Portas é garantia de diálogo

  • Áudio Terça à Noite (19/02/2013)

Deputado socialista critica, em entrevista à Renascença, aqueles que têm apupado o primeiro-ministro e o Governo e defende que o Parlamento deve fazer um esforço para “utilizar uma linguagem menos extremista”.
19-02-2013 23:54 por Raquel Abecasis

O socialista Francisco Assis defende que se o PS vencer as próximas eleições legislativas sem uma maioria absoluta deve coligar-se com os partidos de direita.

“Será mais fácil fazer aliança com uma direita que, entretanto, se terá livrado da tentação neoliberal que hoje marca claramente a actual maioria”, afirma o deputado em entrevista ao programa “Terça à Noite” da Renascença.

Quanto ao actual Governo de coligação PSD/CDS, Assis espera que a atribuição da coordenação política a Paulo Portas “seja uma boa notícia para o país e para o PS”.

Para o candidato derrotado nas últimas eleições para a liderança do PS, Paulo Portas tem defendido “um diálogo profundo e permanente com o Partido Socialista” e, se isso acontecer, “o PS deve participar nesse esforço”.

Francisco Assis admitiu ainda que o PS “tem que concretizar mais as suas propostas” e que o Governo deve “utilizar” a carta de Seguro à troika “ao serviço do interesse nacional”.

Nesta entrevista à Renascença, Francisco Assis dirigiu fortes críticas aqueles que nos últimos dias têm protagonizado apupos ao primeiro-ministro Pedro Passos Coelho e ao Governo e defendeu que o Parlamento devia fazer um esforço para “utilizar uma linguagem menos extremista”.

PARTILHAR

Edições Anteriores
Comentários (37)
  • » CV, VR, 08-05-2014 22:42

    Assis estás a desiludir. Não levas o meu voto com essa linguagem
  • » Maria Sampaio, Lx, 08-05-2014 16:23

    O PS nunca fez uma aliança de esquerda e prepara-se para repetir, é uma pena mas o PS não aprende ( ou sabe de mais!), assim não dá vontade de votar nestes gajos a fim de uma maioria absoluta, para derrubar estes neo liberais que estão destroçar Portugal e a vendê-lo a retalho a quem mais der!
  • » mnuel antonio, v n gaia, 25-02-2014 2:18

    e por tudo isto que nao leva o meu voto. nem rangel.
  • » Joaquim Monteiro, Queluz, 09-02-2014 20:12

    Concordo em absoluto com o que diz Francisco Assis. Só que não acredito que o PS siga por aquele caminho. Os adeptos de Sócrates ainda não fizeram uma reciclagem, e vão obstruir todas as vias para um entendimento. Entendimento que ele fez com os PECs. Saliento aqui também o facto de ele opinar, que as pessoas se comportam de forma pouco correta, perante a presença de membros do Governo. Amanhã far-nos-ão o mesmo a nós.
  • » jose maria lopes, Lisboa, 09-02-2014 12:20

    Também não concordo com o que diz F.Assis,mas acaso não foi o PC e o BE,que se aliaram á direita para derrubar o anterior governo minoritario e por isso mesmo indefeso?Quando esse governo tomou posse,não foi essa dita esquerda que recusou a alinça para governar,proposta por esse mesmo governo minoritário?não foram os lideres desses partidos que afirmaram preferir a aliança á actual maioria,oposição de então,para derrubar esse governo do PS? Ora,vamos ser sérios,para a auto denominada esquerda,qualquer governo eleito,só serve para ser derrubado.Se quiserem lutar pelo país,lutem dentro do Governo,não o façam por fora,mostrem a cara mostrem que são capazes,e então o povo acredita.
  • PUB
  • » Eduardo Jorge, Amadora, 14-10-2013 20:52

    E depois dizem-se um partido de esquerda quando fazendo coligações com partidos fascistas. O povo é mesmo ignorante e gosta de levar porrada desta troika que tem governado Portugal.
  • » Alberto Sá, Braga, 13-10-2013 16:09

    Tinha o Assis em boa conta..mas depois daquela tirada sobre o seu lider parlamentar..sobre esta aliança ele falara em nome dele? ou do partido?tudo farinha do mesmo saco eles amam-se.
  • » carlos paulino, Pataias, 28-09-2013 16:45

    Pensamento mesquinho e retrogado.Este sr. é dos tais que pôs o SOCIALISMO NA GAVETA, se tiver coragem vai-se embora, mas como não sabe fazer nada vai continuar a viver à nossa custa.
  • » ze, Portalegre, 03-04-2013 10:56

    Não aprendeu nada em Felgueiras. A lição foi pequena! Este é o tipo de gente que conduziu Portugal ao estado em que se encontra. Trocatintas. Conforme a conveniência, gente sem ética nem principios para quem mentir ao Povo para serem eleitos justifica tudo! Eleitos "democraticamente" reciclam-se ano após ano unindo-se sempre aos mesmos! Assim enganam o Povo. É destes que Régio dizia "Surge Janeiro frio e pardacento, Descem da serra os lobos ao povoado; Assentam-se os fantoches em São Bento E o Decreto da fome é publicado." Desavergonhados! Ignoram todos os que na rua se indignam aos milhares e continuam em jogos palacianos defendendo os seus tachos!
  • » José, Seixal, 03-04-2013 5:33

    O Sr. Francisco Assis, é mais um a desiludir e novamente a cair em contradição com muito do que tem dito ao longo dos tempos, dando razão àqueles que dizem que estar no poder o PSD/CDS e PS é tudo farinha do mesmo saco. Estou convencido de que se o líder do PS dissesse que estava disponível para se aliar à direita, o Francisco Assis diria que o PS devia ir para eleições. Os políticos continuam a descredibilizar-se perante os cidadãos e a descredibilizar o regime democrático.
  • PUB

Deixe aqui o seu comentário relativo a este artigo. Todos os comentários estão sujeitos a mediação.

Tem 1500 caracteres disponíveis

Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.




INFORMAÇÃO      BOLA BRANCA      PROGRAMAÇÃO      MÚSICA      MULTIMÉDIA      OPINIÃO