|

PCP compra quinta para dar passo Avante

05 set, 2014

Adquirir a Quinta do Cabo da Marinha vai aumentar espaço da festa. Negócio custa 950 mil euros.

PCP compra quinta para dar passo Avante

O PCP anunciou, na abertura da 38ª Festa do Avante, a compra de sete hectares contíguos à Quinta da Atalaia, no Seixal, por cerca de 950 mil euros, prevendo uma campanha de angariação de fundos para pagar.

"Lançaremos uma campanha porque é preciso assegurar o seu pagamento completo, dirigindo-nos aos militantes e amigos do partido, aos amigos da Festa do Avante, aos democratas e patriotas, apelando para criar as condições para uma festa ainda maior e melhor", afirmou o secretário-geral comunista, Jerónimo de Sousa.

O líder do PCP lembrou o histórico dirigente Álvaro Cunhal e o seu anúncio, há 25 anos, da compra da Quinta da Atalaia, citando as suas críticas de então sobre "o jogo indigno de Governos e outras entidades de cederem temporariamente terrenos abandonados, cheios de mato e pedras, com a esperança de nos verem afundar-nos neles".

"Surgiu finalmente a oportunidade, que não podíamos desperdiçar, de concretizar essa aspiração de adquirir a Quinta do Cabo da Marinha, com um enquadramento paisagístico de grande qualidade, arvoredo e espaço aberto, que permitirá aumentar em mais de um terço o espaço disponível para a festa e alargar significativamente a sua ligação à baía do Seixal", congratulou-se Jerónimo de Sousa.

Outro dirigente comunista, Alexandre Araújo, esclareceu as verbas envolvidas, cerca de 950 mil euros, e referiu que a campanha de angariação de fundos deverá começar no mês de Outubro, com o objectivo de a dívida ficar saldada até à Festa do Avante de 2015.