Seguro promete acabar com os sem-abrigo em quatro anos

02 abr, 2014

Líder do PS diz, contudo, que não tem uma varinha mágica e por isso não pode prometer criar um milhão de empregos se for eleito.
Seguro promete acabar com os sem-abrigo em quatro anos
O secretário-geral do PS, António José Seguro, quer acabar com o problema social dos sem-abrigo no espaço de uma legislatura.

Durante uma visita à associação CAIS, o líder do principal partido da oposição afirmou: "Assumi o compromisso de criar as condições, no espaço de uma legislatura, para que possamos retirar da rua os portugueses sem-abrigo, que vivem ao relento, que é das coisas mais chocantes para qualquer português, como considero que é muito importante criar políticas públicas que de uma forma integrada, na educação, na saúde, no apoio social possam combater o flagelo social que é a pobreza."

Já quanto a acabar com o desemprego caso venha a ser primeiro-ministro, o líder socialista não foi tão taxativo: "A minha prioridade é o emprego, só que não tenho uma varinha mágica para de um momento para o outro criar um milhão de empregos".

António José Seguro aproveitou ainda para dizer que não defende o perdão da dívida, mas que quer renegociar a mesma. O líder do Partido Socialista quer também que o primeiro-ministro assuma quais são os cortes que ainda tenciona fazer.