O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

Ataque de aluno faz cinco feridos em escola de Massamá

14 out, 2013

Jovem fugiu da escola, mas foi interceptado por agentes da PSP nas imediações do estabelecimento e detido. Duas pessoas, esfaqueadas pelo aluno, foram transportadas para o hospital.
Ataque de aluno faz cinco feridos em escola de Massamá

Um aluno de 15 anos de uma escola de Massamá, Sintra, é suspeito de ter esfaqueado, ou tentado esfaquear, esta segunda-feira cinco pessoas depois de ter feito rebentar um pote de fumo durante uma aula.

Segundo informações do gabinete de relações pública da PSP, contactado pela Renascença, duas pessoas foram transportadas para o hospital, um aluno que foi atingido no tórax e uma auxiliar que foi segundo a PSP, atingida com gravidade moderada.

No caso do aluno, foi transportado para o Hospital de Santa Maria e a auxiliar para o hospital Amadora-Sintra. Outros três alunos sofreram ferimentos ligeiros e foram tratados na escola. Um deles terá tentado enfrentar o agressor.

O subintendente Hugo Palma, comandante da PSP de Sintra, descreve a situação em declarações à Renascença: “Esta tarde, no decurso de uma aula do 11º ano, um aluno da escola em determinado momento tirou da mochila que trazia uma faca e começou a agredir os colegas”.

“Com esta acção ele acaba por conseguir ferir colegas e uma funcionária, que entretanto, na situação de pânico que se gerou entre as crianças, tentou ajudar e acabou por ser ela também ferida. Entretanto, em determinado momento alguns alunos tentaram-lhe fazer frente e houve algo que motivou a que ele fugisse”, conta.

O incidente, que terá sido premeditado, ocorreu cerca das 16h15, na Escola Secundária Stuart de Carvalhais, tendo o jovem sido detido.

"O jovem descompensou e começou a esfaquear pessoas. Queria cometer um assassinato em série, como se vê nas televisões", disse fonte da PSP à agência Lusa.

De seguida, o aluno fugiu da escola, mas foi interceptado por agentes da PSP nas imediações do estabelecimento e conduzido à esquadra de Massamá.