Papa celebra visita a Lampedusa. "Migrantes são os últimos enganados e abandonados”

08 jul, 2019 - 13:19 • Imagem: Vatican News

Esta segunda-feira, o Papa celebrou o sexto aniversário da sua primeira visita Papal. Em 2013, Francisco visitou Lampedusa, ilha italiana onde frequentemente desembarcam imigrantes irregulares. Na cerimónia, no Vaticano, entre refugiados e voluntários de ajuda humanitária, participaram 250 pessoas. O Papa voltou a usar o báculo de madeira que recorda as embarcações naufragadas.
Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.