Chernobyl. Poses polémicas e turismo de risco disparam após série sobre desastre nuclear

11 jun, 2019 - 13:16 • Inês Rocha com Reuters

O sucesso da série “Chernobyl”, da HBO, que retrata o pior desastre nuclear da história, tem atraído muitos curiosos para a cidade ucraniana onde tudo aconteceu, há 33 anos. Agências de turismo locais indicam que a procura cresceu cerca de 40% após a estreia da série. No instagram, são muitos os que criticam quem partilha fotos com poses menos apropriadas no local da catástrofe que matou diretamente 31 pessoas e causou mortes por cancro a milhares.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.