José Magalhães: Maria de Belém atingida por "vendaval populista"

24 jan, 2016 - 22:21 • Inês Rocha

José Magalhães atribui a derrota de Maria de Belém a um "vendaval populista" despejado sobre a candidata durante a campanha. Sobre as consequências da derrota, o socialista apela ao debate dentro do PS e deixa um recado: "um PS sem Maria de Belém é um PS mais pobre".

RSS URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários

Renascença na Ucrânia

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Alberto Martins
    25 jan, 2016 Lisboa 13:42
    Só que a sra Belém também contribuiu com a rábula da subvenção...de algum modo tentou esconder que era uma das subscritoras e depois quando assumiu e defendeu a sua posição não foi nada hábil...