“É muito triste”. Crise financeira provoca fome nos jardins zoológicos do Líbano

30 jun, 2021 - 10:05 • Sofia Freitas Moreira com Reuters

Uma ONG local está a tentar enviar leões e outros animais selvagens para fora do Líbano. Com a pior crise financeira do país em décadas, os jardins zoológicos são incapazes de pagar uma alimentação adequada aos seus animais. "É muito triste. Aqui temos dois leões adultos, e o macho tem talvez metade do peso que deveria ter”, relata Jason Mier, diretor da ONG “Animals Lebanon", que já transferiu com sucesso cerca de 15 leões e tigres para o estrangeiro. Acima de tudo, o objetivo da organização é evitar o que aconteceu em zoos em zonas de guerra como a Síria, o Iémen e o Iraque.

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.