Campos de refugiados estão a tornar-se "centros de detenção", diz ACNUR

23 mar, 2016 - 17:39

A Agência da ONU para os Refugiados considera que os "hotspots" (pontos de acolhimento e registo de refugiados) na Grécia se estão a tornar "centros de detenção" e avisou que irá limitar as suas funções de assistência, porque o acordo dos líderes europeus com a Turquia contraria a sua missão. Também os Médicos Sem Fronteiras decidiram suspender actividades em Lesbos, na Grécia, por não quererem ser "cúmplices" de um sistema "injusto e desumano".

RSS iTunes URL Embed E-mail Facebook Twitter Whatsup Comentários

Renascença na Ucrânia

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Pinto
    16 abr, 2016 Custoias 19:34
    Refugiados com a cara tapada a enfrentar policia e partir para a violência, são coitadinhos? Mais de metade dessa gente vai criar problemas nos países de acolhimento.