Do "diabo" ausente ao "oásis" de Costa. O Estado da Nação, segundo esquerda e direita

10 jul, 2019 - 23:07 • Inês Rocha

O "diabo" que Passos previa não apareceu, diz António Costa, para descrever o Estado da Nação. A oposição acusa-o de viver num "oásis" longe do país real e de ter "excesso de confiança". Partidos da geringonça trocam elogios e agradecimentos, mas também algumas acusações.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.