Secretário de Estado britânico suspenso depois de maltratar ativista

21 jun, 2019 - 14:47 • Imagens: Reuters

O secretário de Estado britânico dos Negócios Estrangeiros, Mark Field, foi suspenso depois de ter atirado uma ativista da Greenpeace contra um pilar e a ter agarrado pelo pescoço, durante um protesto na Mansion House. A manifestação ocorreu durante o jantar anual em que o ministro das Finanças, Philip Hammond, discursou sobre o estado da economia britânica. Em comunicado, Mark Field lamentou o sucedido e defendeu que estava "genuinamente preocupado" com a possibilidade de a manifestante estar armada. Semanas antes do incidente o governante discursou sobre o direito das mulheres.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.