Papa Francisco. "Que se tomem todas as medidas possíveis para que estes crimes nunca se repitam"

24 fev, 2019 - 11:51 • Imagem: Vatican News

O Papa Francisco apelou, no Angelus deste domingo, à "renuncia radical de todas as formas de abuso de poder, de consciência e sexual". "Escutámos as vozes das vítimas, pedimos perdão a Deus e aos ofendidos, tomámos consciência da nossa responsabilidade, do nosso dever de fazer justiça na verdade, de renunciar radicalmente todas as formas de abuso de poder, de consciência e sexual", garantiu Francisco.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.