Trump não desiste do muro com o México e alega uma "crescente crise humanitária"

09 jan, 2019 - 07:59 • Imagens: Casa Branca

O presidente norte-americano justificou a construção de um muro na fronteira com o México com razões de segurança e uma "crescente crise humanitária", pressionando os democratas a assumirem um acordo para o financiamento.
Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.