Tempo
|

75 anos RR

Concerto 75 anos Renascença: recorde esta noite aqui

29 mar, 2011

Um grande concerto para assinalar uma grande data!

Concerto 75 anos Renascença: recorde esta noite aqui

Concerto 75A_Agencia Zero_NET 02_MG_3646

O Estádio do Bessa encheu para o Concerto 75 anos Renascença

Dia 3 de Junho o Estádio do Bessa, Porto, encheu para o grande Concerto 75 anos Renascença.
12 mil pessoas encheram o estádio para ouvir James, Dulce Pontes e Rui Veloso. 3 artistas muito acarinhados pelo público português e que tornaram este concerto numa autêntica festa.
A noite começou com a Orquestra das Beiras (uma orquestra composta por 23 jovens músicos de diversas nacionalidades) conduzida pelo maestro António Lourenço. Para aquecer a plateia a Orquestra tocou um medley de músicas dos Beatles, preparando o ambiente para o que viria a seguir.

Concerto 75A_Agencia Zero_NET 06_IMG_1801

Tim Booth dos James

Muito aguardados, os James entraram depois em palco com “Getting away with it” a abrir, seguiram-se “Say something”, “Sit Down”, “Sometimes” e “Laid”. A banda foi também acompanhada pela Orquestra das Beiras e pelo maestro inglês Joe Dudell, uma experiência que a banda adorou e que ficou com vontade de repetir, quem sabe, num concerto em nome próprio!






Concerto 75A_Agencia Zero_NET 19_MG_3978

Dulce Pontes

Porque a noite ainda estava a começar, Dulce Pontes subiu ao palco do Estádio do Bessa e aproveitou para matar saudades de cantar ao vivo… e o público aproveitou para matar saudades da artista!  Acompanhada pela Orquestra das Beiras, Dulce Pontes cantou músicas como “Ondeia”, “Índios da Meia Praia”, “Canção de Embalar”, “Senhora do Almurtão” e a muito aplaudida “Canção do Mar”.



Concerto 75A_Agencia Zero_NET 22_MG_4199

Rui Veloso

A fechar a noite outra grande voz da música portuguesa: Rui Veloso. Com o maestro António Lourenço a conduzir a Orquestra das Beiras, Rui Veloso deu uma nova sonoridade a algumas das suas músicas. “Bairro do Oriente”, “Lado Lunar”, “A Veia do Poeta”, “Jura”, “Chico Fininho” e “Não há estrelas no céu” foram as músicas que se fizeram ouvir neste grande espectáculo. Mas a surpresa estava reservada para o fim: Rui Veloso regressou com “Paixão” para nova dose de “Chico Fininho” e, claro, o grande momento foi quando Dulce Pontes e Saul Davies se juntaram a Rui Veloso para cantar “Porto Sentido”.


Esta foi uma noite perfeita para ouvir os grandes clássicos do rock português com Rui Veloso, o fado de Dulce Pontes e os maiores sucessos dos James. Uma combinação que tornou a noite de 3 de Junho numa grande festa onde a sua presença foi essencial!
A nós só nos resta agradecer-lhe a si que marcou presença no Estádio do Bessa e que assinalou connosco este grande momento.  Para todos os que se empenharam em tornar esta noite possível um grande muito obrigado!
VEJA AS FOTOS E OS VÍDEOS deste concerto aqui ao lado. (Fotos do Concerto: Agência Zero)
As celebrações vão continuar. Fique atento à sua rádio para acompanhar as novidades.



PASSATEMPO:
Para marcar presença no Estádio do Bessa, dia 3 de Junho, bastava aceitar o nosso desafio e ganhar convites para assistir, com a sua família, a este concerto.

Vídeo da Família Neiva-vencedores do passatempo Não Há Estrelas no Céu


Para participar no passatempo só tinha de juntar a família e fazerem um vídeo bem-disposto a cantarem o refrão da música “Não há estrelas no céu”, de Rui Veloso.
A vencedora do passatempo foi a família Neiva - que fez o vídeo que pode ver aqui ao lado - e que vai assistir ao concerto no Estádio do Bessa, com direito a uma estadia no Hotel Porto Palácio depois do concerto!
Obrigado a todos os que participaram e parabéns à família Neiva.



Este concerto tem como patrocinador principal o
Continente - conte com mais, conte com o Continente.
E o apoio de Carglass - vidros para viaturas.


O primeiro grande momento das celebrações dos 75 anos foi a 10 de Abril, em Braga. Veja AQUI como correu este evento.
Continue atento à sua rádio para acompanhar todas as novidades!


Continente Logo vermelho



CarGlass LOGO