​Portugal falha finais dos 4x100m, mas bate recorde nacional no feminino
11-06-2024 - 22:24
 • Renascença com Lusa

Lorène Bazolo, Rosalina Santos, Lurdes Oliveira e Íris Silva deram a volta à pista em 43,85 segundos, nos Europeus de atletismo, e tiraram mais de meio segundo à marca anterior.

Portugal ficou fora das finais feminina e masculina de 4x100 metros dos Europeus de atletismo de Roma 2024, apesar de a seleção feminina ter estabelecido um novo recorde nacional, com 43,85 segundos.

Lorène Bazolo, Rosalina Santos, Lurdes Oliveira e Íris Silva tiraram mais de meio segundo à marca anterior (44,27), alcançada pelas próprias Bazolo, Santos e Silva, mais Arialis Martínez, a 24 de junho de 2023.

No entanto, este registo não deu mais do que para o sétimo lugar na segunda série das semifinais e o 13.º nesta fase. A última equipa apurada foi a Polónia, com 43,15 segundos, mais de um segundo a menos.

Igualmente eliminada foi a estafeta masculina dos 4x100. Com Carlos Nascimento, André Prazeres, Delvis Santos e Gabriel Maia, Portugal cumpriu a volta à pista em 39,26 segundos e concluiu a segunda série das semifinais no sexto lugar, correspondendo ao 12.º na geral.

O apuramento para a final fechou aos 39,10 segundos, marca alcançada pela Dinamarca, menos 16 centésimas de segundo que Portugal.

Em sete presenças na final masculina dos Europeus, o melhor resultado de Portugal foi o sexto lugar alcançado em Barcelona 2010. Na competição feminina, permanece o 11.º posto em Budapeste 1998.