"Todas as ajudas financeiras ao Belenenses são bem-vindas"
18-07-2023 - 18:15

O presidente do clube do Restelo explica, em entrevista a Bola Branca, qual o motivo para pedir ao sócios o pagamento de uma cota suplementar facultativa.

As exigências de jogar na II Liga obrigaram o Belenenses a fazer obras de recuperação do Estádio do Restelo. Para tal, o clube azul e branco necessitou de fazer um esforço financeiro, que levou Patrick Morais de Carvalho a pedir aos sócios que paguem um cota suplementar facultativa, uma ideia criada por um antigo dirigente, e que a atual direção optou por levar a efeito.

Em entrevista a Bola Branca, o presidente do Belenenses explica a interpelação que fez aos sócios.

"Eu apelei a que os sócios pudessem na medida das suas possibilidades, dar o seu contributo, porque este caminho das pedras é doloroso. É doloroso para o Belenenses porque há aqui um salto muito grande quando se passa das competições amadoras para as competições profissionais, é preciso dar resposta a um sem-número de requisitos", sublinha.

A remodelação do estádio para cumprir as exigências da Liga foi o principal problema a resolver.

"Apesar de termos um estádio espetacular, um estádio belíssimo, provavelmente o mais bonito de Portugal. Também não é menos verdade que não estava em muitas situações, adaptado à realidade da legislação das competições profissionais e, portanto, é preciso aqui um investimento em infraestruturas que nós estamos a fazer. E que e que sangra a tesouraria do clube e, portanto, todas as ajudas são são bem-vindas, principalmente se forem ajudas das pessoas que gostam do Belenenses, e que são Belenenses", afirma.

Embora o pedido tenha sido feito na segunda-feira, Patrick Morais de Carvalho revela que já alguns sócios fizeram questão em contribuir para a causa.

"Na Secretaria houve um movimento grande de sócios a contribuírem com essa quota suplementar. Depois, mais para a frente será feito um balanço, mas eu acredito que os donos do Belenenses, que são os seus sócios, vão dar, vão dar uma resposta positiva a este apelo do seu clube do coração", anseia.