Tempo
|
A+ / A-

Países Baixos. Telemóveis vão ser proibidos nas salas de aula

05 jul, 2023 - 16:43 • Marta Pedreira Mixão , com agências

Este tipo de dispositivos só será permitido em caso de expressa necessidade, como em aulas de competências digitais, razões médicas ou para pessoas com deficiência.

A+ / A-

A partir de 1 de Janeiro de 2024, os telemóveis, os tablets e os smartwatches serão praticamente proibidos nas salas de aula dos Países Baixos para impedir que perturbem a aprendizagem, anunciou o Governo neerlandês.

A iniciativa está a ser introduzida em colaboração com as escolas e deverá entrar em vigor no início do próximo ano.

Haverá algumas exceções, nomeadamente para os alunos com necessidades médicas ou com deficiência e para as aulas centradas nas competências digitais.

Para já, a proibição não é juridicamente vinculativa, mas pode vir a sê-lo no futuro.

"Apesar de os telemóveis estarem quase entrelaçados com as nossas vidas, o seu lugar não é na sala de aula", afirmou o ministro da Educação dos Países Baixos, Robbert Dijkgraaf.

"Os alunos devem ser capazes de se concentrar e ter todas as oportunidades para aprender bem. Sabemos, com base em investigação científica, que os telemóveis perturbam isso."

Vários estudos revelaram que a limitação do tempo de ecrã das crianças está associada a uma melhor cognição e concentração.

O Governo afirmou também que caberá a cada escola acordar as regras exatas com os professores, pais e alunos - incluindo se pretendem proibir completamente os dispositivos nas escolas.

O programa deverá ser revisto no final do ano letivo de 2024/2025 para verificar se funcionou e, caso não se verifiquem os resultados pretendidos, será necessária a aplicação de uma proibição legal.

Esta notícia segue-se depois de a Finlândia ter anunciado que iria alterar a lei para facilitar a restrição da utilização de telemóveis nas escolas. Há ainda outros países, incluindo a Inglaterra e a França, que também propuseram a proibição dos telemóveis para melhorar a aprendizagem.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+