Tempo
|
A+ / A-

Festival Intercéltico de Sendim regressa com entrada grátis

21 jun, 2022 - 18:46 • Lusa

Após dois anos de interregno devido à pandemia, a música volta a Sendim nos dias 5 e 6 de agosto.

A+ / A-

O Festival Intercéltico de Sendim, em Miranda do Douro, está de regresso nos dias 5 e 6 de agosto, após dois anos de interregno devido às restrições da pandemia de covid-19, com entrada grátis, foi hoje divulgado.

"Regressamos sem bilheteira e todos os concertos e as habituais atividades paralelas e eventos serão gratuitos, de portas abertas para todos quantos queiram usufruir das músicas com as quais costumamos fazer a festa intercéltica", disse à Lusa o diretor do festival, Mário Correia.

No entanto, Mário Correia ressalvou: "Teve de ser uma programação economicamente mais contida porque a volatilidade da situação sanitária obriga-nos a ser prudentes, o que de modo algum poderia significar uma redução, por mínima que fosse, da elevada qualidade dos artistas apresentados".

Quanto à programação do festival, que vai já na sua 21ª edição, começa na noite do dia 5 de agosto, no palco Inatel, ao som das arruadas de gaiteiros mirandeses.

O evento conta ainda com os galegos Parbo, o espetáculo 3x4, com La Musgaña e Vanessa Muela e o grupo mirandês Trasga.

No dia 6 de agosto à tarde, na Casa da Cultura, atuam Manuel Guimarães e Carlos Zíngaro, num regresso a Sendim.

À noite, de novo no palco Inatel (de novo trazidos para o recinto ao som das arruadas de gaiteiros mirandeses), o espetáculo está a cargo do grupo Cataventos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+