Tempo
|
A+ / A-

Miguel Araújo celebra 10 anos de carreira a solo em Lisboa e Porto

13 out, 2021 - 15:13 • Maria João Costa

Concertos marcados para abril e maio do próximo ano.

A+ / A-

Dois concertos em nome próprio marcam 10 anos de carreira a solo de Miguel Araújo. O músico sobe ao palco, no próximo ano, a 7 de abril no Campo Pequeno em Lisboa e a 21 de maio no Super Bock Arena, no Porto para dois concertos celebrativos.

No dia em que os bilhetes foram postos à venda, o músico e compositor anuncia a sua presença no palco “de duas das mais imponentes salas portuguesas para reviver esta década ao lado dos seus fãs”.

Em comunicado, o letrista de músicas como “Talvez Se eu Dançasse” anuncia que ainda este ano irá editar o disco "As Canções da Esperança", uma banda sonora de série “Esperança” da autoria de Pedro Varela e César Mourão que ganhou recentemente o Globo de Ouro na categoria melhor série televisiva.

Também para o próximo ano, altura em que se completam 10 anos sobre o lançamento do disco de estreia “Cinco dias e meio”, Miguel Araújo reserva outras novidades. O autor de temas como "Os Maridos das Outras", "Reader's Digest" ou "Fizz Limão" irá lançar um álbum de originais.

“Chá Lá Lá”, tem data de lançamento prevista para o início do ano, será o sucessor do disco “Peixe Azul” que Miguel Araújo deu a conhecer ao público no início do ano. Sobre o novo disco há já dois singles que foram, entretanto, lançados “Talvez Se eu Dançasse” e “Dia da Procissão” são músicas já conhecidas dos ouvintes de Araújo.

Para os concertos do próximo ano, os bilhetes estão à venda nos locais habituais, a preços que vão dos 12 euros aos 45 euros em Lisboa, e dos 15 euros aos 45 euros para o Porto.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+