Siga-nos no Whatsapp
A+ / A-

JMJ

Bispo de Aveiro convida jovens a “peregrinar com os símbolos da JMJ”

03 mar, 2023 - 09:58 • Olímpia Mairos

Aludindo ao tema da Jornada, que vai reunir em Lisboa milhares de jovens de todo o mundo, D. António Moiteiro explica que a atitude de Maria, que partiu apressadamente ao encontro de Isabel, atravessando montanhas, inspira a “dinâmica e atividade pastoral” da diocese.

A+ / A-

O bispo de Aveiro, D. António Moiteiro, escreveu aos jovens da diocese desafiando-os à peregrinação com os símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que chegam esta noite àquele território.

“A Jornada Mundial da Juventude, que simultaneamente é uma peregrinação e um encontro da juventude, é ocasião para aprofundar e viver com maior coragem a própria Fé, para nos aproximarmos dos símbolos - cruz e Nossa Senhora - e fazermos a nossa caminhada de fé”, escreve o prelado.

Aludindo ao tema da Jornada, que vai reunir em Lisboa milhares de jovens de todo o mundo, D. António Moiteiro explica que a atitude de Maria, que partiu apressadamente ao encontro de Isabel, atravessando montanhas, inspira a “dinâmica e atividade pastoral” da diocese.

“Com Maria levemos Jesus, que por nós quer chegar a muitos. Assim, propomos – Caminhar com Maria – que foi a primeira a segui-Lo. Como ela, queremos caminhar como oásis de paz e refúgio de fraternidade”, destaca.

O bispo de Aveiro assinala ainda que “ao contemplarmos os símbolos da Jornada Mundial da Juventude, queremos acolher o convite e o testemunho contemplativo do evangelista João 'Hão de olhar para Aquele que trespassaram' (Jo 19,37) – um olhar de fé e de amor para Cristo crucificado que, ao morrer na Cruz, nos revelou plenamente o amor de Deus por nós”.

“Neste sentido, não tenhamos medo de contemplar a cruz como um momento de derrota, mas também como um sinal de vitória”, pede o bispo, lembrando que “na cruz encontramos a força para, da morte, recriar a vida” e que “a Cruz de Jesus ensina-nos que na vida existe o fracasso e a vitória, e que não devemos temer os momentos de dificuldades, pois estes devem ser iluminados justamente pela cruz”.

O bispo de Aveiro recorda ainda que “o ícone de Nossa Senhora, a Mãe de Deus que junto da cruz aceita a maternidade de toda a humanidade, não passa despercebido. Como mãe do Redentor, Maria partilhou intimamente toda a sua vida e missão, permanecendo a seu lado desde o berço até ao calvário”.

A concluir a mensagem, D. António Moiteiro informa que ao longo deste mês de março, a Cruz e o Ícone de Nossa Senhora vão peregrinar por todas as paróquias da diocese.

Aveiro vai recebe esta sexta-feira a peregrinação dos símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que começa com uma viagem de comboio “inédita em Portugal”, desde Braga, onde está previsto um encontro entre os jovens das duas dioceses, das 17h00 às 18h00, na Sé bracarense.

Em Aveiro, a cruz e ícone mariano vão ser recebidos com “poesia e criatividade” numa peregrinação desde o Largo da Estação de Comboios até à Sé, onde vão realizar a iniciativa diocesana ‘Noite com a Cruz’, uma oração de juventude, com a presença do bispo de Aveiro, D. António Moiteiro.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+