Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

D. Américo Aguiar: “As vítimas e os problemas que aconteceram estão a ser assumidos”

01 out, 2022 - 20:24 • Isabel Pacheco

​D. Américo Aguiar defende que a Igreja está no “caminho certo” ao criar condições necessárias para a denúncia das vítimas de abusos.

A+ / A-

O bispo D. Américo Aguiar reafirma que a Igreja está no “caminho certo” ao criar condições necessárias para a denúncia das vítimas de abusos.

“Estamos a criar condições para que qualquer pessoa, qualquer jovem, qualquer menor, que tenha sofrido qualquer tipo de abuso, se sinta encorajado, se sinta seguro, para poder abrir o seu coração, partilhar o seu sofrimento, e possamos curar as suas feridas”, diz o bispo auxiliar de Lisboa à Renascença.

D. Américo Aguiar reage, deste modo, o caso noticiado este sábado de que o Ministério Público está a investigar o alegado encobrimento por parte de D. Jose Ornelas, bispo de Leiria -Fátima, de casos de abuso sexual.

“Isto tudo que tem acontecido significa que essas condições estão a ser criadas e que devemos, mais uma vez, dar graças a Deus pelo que estamos a viver, pelo facto de as vítimas e os problemas que aconteceram estão a ser assumidos”, afirma ainda.

D. Américo Aguiar, presidente da fundação JMJ Lisboa 2023, marcou presença este sábado na chegada dos símbolos da Jornada à diocese do Porto.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+