Tempo
|
A+ / A-

​Santuário de Fátima altera cerimónias de final de ano devido à Covid-19

22 dez, 2021 - 17:00 • Maria João Costa

Santuário de Fátima adapta programa às contingências do momento. Haverá missa do Galo, mas a missa de Ação de Graças pelo final do ano foi reagendada para as 18h30 e cancelada a celebração prevista para as 00h00 na Capelinha das Aparições.

A+ / A-

É mais um sinal dos tempos. Respondendo às contingências do momento, o Santuário de Fátima alterou o programa previsto para os dias 31 de dezembro e 1 de janeiro. Em comunicado, o Santuário indica que as mudanças devem-se à pandemia de Covid-19.

A missa de Ação de Graças pelo final do ano prevista para 31 de dezembro, na Basílica da Santíssima Trindade, com o canto do hino "Te Deum", “terá início às 18h30” e será celebrada pelo cardeal D. António Marto, bispo da diocese de Leiria-Fátima, indica esta quarta-feira o Santuário em comunicado.

Na sua página na internet, Fátima indica também que a “celebração prevista para as 00h00 na Capelinha das Aparições, não se realizará”. Vai, contudo, manter-se “o toque do carrilhão e o rosário das 21h30”.

Também há alterações no dia 1 de janeiro de 2022. “Será celebrada a habitual Missa, pelas 11h00, na Basílica da Santíssima Trindade. Às 15h00, também na Basílica da Santíssima Trindade, celebrar-se-á Missa, com interpretação em Língua Gestual Portuguesa”. Contudo, será cancelada a procissão eucarística, prevista para depois desta celebração das 15horas.

Mantêm-se, no entanto, “a recitação do Rosário na Capelinha das Aparições, pelas 16h00, e a oração de vésperas, pelas 17h30, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário”. Para todas estes momentos, o Santuário de Fátima pede que seja “preservado o distanciamento físico, bem como o uso da máscara e a desinfeção das mãos”.

Mantêm-se inalterada a missa do Galo. Segundo o Santuário, a missa de nascimento de Nosso Senhor Jesus, será celebrada na Basílica da Santíssima Trindade, às 23h00 do dia 24 de dezembro.

Também a 25 de dezembro, “dia da Solenidade do Natal do Senhor, a Missa será às 11h00, na Basílica da Santíssima Trindade”. Para quem não se possa dirigir ao Santuário, as “celebrações podem ser acompanhadas, em direto, nos canais digitais do Santuário de Fátima”, refere o comunicado.

Devido à situação pandémica, tal como já aconteceu em 2020, “a osculação do Menino Jesus será substituída por um gesto de veneração”. Para dia 26 de dezembro está prevista missa às 11h00, na Basílica da Santíssima Trindade, dia em que “far-se-á uma oração por todas as famílias”. Segundo o Santuário, “em todas as missas das três solenidades (Natal, Santa Maria Mãe de Deus e Epifania) e na festa da Sagrada Família, a recolha de ofertas, durante a veneração do Menino Jesus, serão destinadas à Obra Social das Criaditas dos Pobres”.

A Igreja Católica portuguesa recomendou, esta quarta-feira, que se retome o “distanciamento entre os participantes” nas celebrações a partir do Natal, incluindo já na tradicional Missa do Galo.

A Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) justifica o pedido com o “forte agravamento da atual situação pandémica”. Em declarações à Renascença, o porta-voz da CEP, padre Manuel Barbosa, explica que este é sobretudo um apelo ao bom senso.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+