Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

“Isto não diz bem de nós.” Número de pessoas abandonadas na hora da morte já quase duplicou

17 out, 2021 - 18:04 • Liliana Monteiro

Desde o início de 2021, 214 pessoas foram abandonadas na hora da morte, quase o dobro de um ano normal – a média é de 120 a 130 -, anunciou a Irmandade de São Roque de Lisboa.

A+ / A-
Irmandade de São Roque lembra as 214 pessoas que morreram em situação de abandono em 2021
Irmandade de São Roque lembra as 214 pessoas que morreram em situação de abandono em 2021

Desde o início de 2021, 214 pessoas foram abandonadas na hora da morte, quase o dobro de um ano normal – a média é de 120 a 130 -, anunciou a Irmandade de São Roque de Lisboa, que acompanha e ajuda a dar um funeral digno a pessoas que morrem sozinhas e cujo corpo não chega a ser reclamado por familiares.

O número foi revelado durante uma missa na Igreja de São Roque, em Lisboa, em homenagem a todos os falecidos.

A celebração foi presidida pelo bispo auxiliar de lisboa, D. Américo Aguiar, que sublinhou a importância de mudar comportamentos.

“Chegamos aqui, a este século novo, com tanta promessa da tecnologia, ciência, inovação, e estamos aqui a sofrear 214 homens, mulheres, crianças e idosos, que foram abandonados na circunstância da sua morte. Isto não diz bem de nós”, afirmou.

Este domingo, recorde-se, assinala-se o dia internacional da erradicação da pobreza e dos sem abrigo.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+