Tempo
|
A+ / A-

Diocese de Viana do Castelo manifesta “imensa alegria” com nomeação de novo bispo

21 set, 2021 - 11:24 • Ecclesia

O Papa nomeou esta terça-feira D. João Lavrador, até agora bispo de Angra, como novo responsável pela Diocese de Viana do Castelo

A+ / A-

O administrador diocesano de Viana do Castelo saudou esta terça-feira a nomeação de um novo bispo, D. João Lavrador, convidando as comunidades católicos a recebê-lo de “braços abertos”.

“É com imensa alegria que a Diocese de Viana do Castelo recebe a nomeação de D. João Evangelista Pimentel Lavrador como novo bispo diocesano de Viana do Castelo. Acolhemos esta boa nova de coração aberto, disponível e renovado”, escreve monsenhor Sebastião Pires Ferreira.

O Papa nomeou esta terça-feira D. João Lavrador, até agora bispo de Angra, como novo responsável pela Diocese de Viana do Castelo, sucedendo a D. Anacleto Oliveira, que faleceu num acidente de viação a 18 de setembro de 2020.

A diocese do Alto Minho encontrava-se em sede vacante, confiada a um administrador diocesano.

Monsenhor Sebastião Ferreira fala de uma Igreja “aberta ao mar, contornada pelo curso misterioso dos rios, amparada pelos relevos íngremes de serras e montanhas, espaços onde se espelham e emergem rostos sorridentes, laboriosos e acolhedores”.

O responsável apela à disponibilidade de todos, “na edificação desta mesma Igreja, em espírito de comunhão, participação e missão”.

A Diocese de Viana do Castelo nasceu a 3 de novembro de 1977, por decisão do Papa Paulo VI, separando-a da Arquidiocese de Braga pela Constituição Apostólica ‘Ad aptiorem populi Dei’.

Monsenhor Sebastião Pires Ferreira dirige ainda uma nota às comunidades católicas, para que se unam em oração à missão do novo bispo.

Que, em cada um, o coração se abra de par em par, para o receber de braços abertos. Do mesmo modo, reforço o pedido a todos os sacerdotes para que, além da oração oferecida todos os dias pela Igreja, possam, durante a celebração da Eucaristia, rezar, na anáfora, por D. João Evangelista, nosso bispo eleito”, conclui.

D. João Lavrador, de 65 anos, nasceu a 18 de fevereiro de 1956 em Mira, Diocese de Coimbra, ao serviço da qual foi ordenado padre, em 1981; o Papa Emérito Bento XVI nomeou-o bispo auxiliar do Porto, a 7 de maio de 2008, e a 29 de junho do mesmo ano recebeu a ordenação episcopal, em Coimbra.

A 29 de junho de 2015, o Papa Francisco nomeou-o bispo coadjutor de Angra, tendo tomado posse da diocese açoriana a 15 de março do ano seguinte, como sucessor de D. António Sousa Braga.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+