Tempo
|
A+ / A-

Amarante espera celebrar S. Gonçalo "já com a Igreja restaurada" em 2022

10 jan, 2021 - 11:41 • Henrique Cunha , com redação

Dia de São Gonçalo assinalado este domingo, com condicionalismos devido à pandemia. Igreja de São Gonçalo está em obras, cerimónias do padroeiro da cidade realizam-se na Igreja de S. Pedro.

A+ / A-

O Dia de São Gonçalo é celebrado anualmente a 10 de janeiro. Este ano, a festa coincide com o domingo da solenidade do Batismo do Senhor. D. Armando Esteves, bispo auxiliar do Porto preside à celebração eucarística.

O padre José Manuel Ferreira, pároco de São Gonçalo, em Amarante, sublinha à Renascença “a dupla coincidência de estarmos a viver uma pandemia e o facto da Igreja se encontrar em obras”, o que obriga a que “a celebração se realize na Igreja de São Pedro”.

O sacerdote lembra que, por “causa do estado de emergência, também não será possível realizar o habitual almoço da comunidade paroquial”, mas garante que “a recordação da memória do padroeiro da paróquia e da cidade não será esquecida”.

As obras de restauro da Igreja de São Gonçalo, orçadas em mais de dois milhões de euros já começaram há quatro meses, mas “ainda faltam 12 meses para a sua conclusão”.

“Se não houver percalços pelo caminho, esperamos daqui por um ano estar a celebrar o nosso padroeiro já com a Igreja restaurada”, sublinha o pároco de São Gonçalo de Amarante.

De acordo com a página da Câmara de Amarante, “S. Gonçalo tem honras de Padroeiro de Amarante e a sua memória é festejada em duas ocasiões no ano: a 10 de janeiro data do seu falecimento e no primeiro fim de semana de junho, com as grandiosas festas da cidade”.

A autarquia publica algumas notas biográficas em que recorda que São Gonçalo é “oriundo da nobre família dos Pereira, Gonçalo nasceu no Paço de Arriconha, freguesia do Divino Salvador de Tagilde – Vizela, por volta de 1187 e herda de seus pais a nobreza no sangue e a grandeza na Fé”.

Gonçalo de Amarante foi beatificado pelo papa Pio IV, a 16 de setembro de 1561, e algum tempo depois, já no reinado de D. Filipe I de Portugal (II de Espanha), inicia-se o seu processo de canonização, que acaba por ficar sem efeito.

O Papa Clemente X, em 1671, estende o ofício da sua festa litúrgica a toda a Ordem Dominicana, que é celebrada no dia do seu falecimento, a 10 de janeiro.

Daí para cá o seu culto jamais parou de se difundir e propagar em Portugal e nos países lusófonos, destacando-se o Brasil, onde várias localidades o têm por padroeiro.

São Gonçalo de Amarante é considerado o padroeiro das pessoas que buscam por um bom casamento.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+