Siga-nos no Whatsapp
A+ / A-

Rui Moreira diz que não foi convidado para cabeça de lista da AD. "Não troco o Porto por um prato de lentilhas"

23 abr, 2024 - 18:54 • Ricardo Vieira

Presidente da Câmara do Porto conta aos jornalistas que conversou com o líder do PSD, no domingo à noite, e foi sondado por Luís Montenegro para integrar a lista de candidatos como número dois de Sebastião Bugalho, mas recusou. O primeiro-ministro elogiou o "bom amigo" da Câmara do Porto, mas não presta declarações sobre o caso.

A+ / A-

"Nunca fui convidado para cabeça de lista da AD" às eleições europeias de 9 de junho, afirmou esta terça-feira o presidente da Câmara do Porto. Rui Moreira diz que não troca a autarquia "por um prato de lentilhas".

Em declarações aos jornalistas, em Serralves, Rui Moreira conta que conversou com o líder do PSD no domingo à noite e foi sondado por Luís Montenegro para integrar a lista de candidatos como número dois de Sebastião Bugalho.

"Agradeci muito o convite, fiquei muito lisonjeado, mas não fazia qualquer sentido", afirma o autarca do Porto.

Rui Moreira diz que não estava a contar com nada, até porque, até domingo, nunca tinha sido convidado por Luís Montenegro para integrar as listas da AD às europeias.

"Nunca penso sobre convites que não me são formulados. Eu sabia que no domingo à noite ninguém me ia convidar para ser cabeça de lista. Eu não poderia fazer isso sem saber se o vice-presidente da câmara se queria continuar na câmara. Deixávamos a câmara abandonada? Não fazia nenhum sentido. A única coisa que eu lamento é que durante semanas andaram a lançar o meu nome e depois, durante semanas, não houve quem dissesse que eu não tinha sido convidado, a não ser eu. Eu fui a única pessoa que vos disse repetidamente que não tinha sido convidado", declarou.

Rui Moreira garante que "não há desconforto" com Montenegro e que está "muito bem na Câmara do Porto".

O autarca revisita as suas declarações proferidas numa entrevista ao programa Hora da Verdade, da Renascença e do jornal Público.

"A última vez que eu falei sobre esta matéria foi numa entrevista ao Público e à Renascença, salvo erro em outubro, e já na altura falavam no meu nome e eu disse que não estava disponível para trocar a Câmara por um prato de lentilhas. Eu acho que disse tudo", sublinhou.

Montenegro elogia o "bom amigo" Moreira

Poucos minutos depois de Rui Moreira falar aos jornalistas, foi a vez de Luís Montenegro chegar ao Museu de Serralves, no Porto, para participar na inauguração da exposição "Pré/pós declinações visuais do 25 de abril", dedicado aos 50 anos da revolução.

O primeiro-ministro, no entanto, não respondeu às perguntas dos jornalistas, nem à entrada nem à saída da mostra. Percorreu as várias salas do museu, sempre com Rui Moreira por perto e sob a condução de Miguel von Hafe Pérez, o curador da exposição que reúne produção artística nacional entre 1970-77, isto é, no período imediatamente anterior e posterior ao 25 de abril.

Nos discursos que encerraram a visita guiada, Montenegro louvou o trabalho à frente da Câmara Municipal do "bom amigo" Rui Moreira, considerando o Porto um "exemplo do que ao nível do poder local se pode dinamizar" nas áreas da economia e da cultura. Por sua vez, Rui Moreira elogiou a manutenção da área da cultura sob a alçada de um ministério e valorizou a escolha de Dalila Rodrigues para assumir a pasta.

[Notícia atualizada às 22h05]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • EU
    23 abr, 2024 PORTUGAL 21:19
    Depois de ouvir este Senhor confirmar o que em cima é escrito, pensei que os POLÍTICOS do PPD/PSD eram mais ESPERTOS do que aquilo que são. Lamento, mas são UNS ANJINHOS.

Destaques V+