Tempo
|
A+ / A-

João Galamba: “Tinha, tenho e terei todas as condições” para continuar no cargo

16 mai, 2023 - 17:38 • Ricardo Vieira

Ministro das Infraestruturas garante que se sente “extremamente motivado”, apesar da polémica com o ex-adjunto.

A+ / A-

“Tinha, tenho e terei todas as condições” para continuar no cargo, afirmou esta terça-feira o ministro das Infraestruturas, João Galamba.

Durante uma visita às obras da Linha da Beira, em Mangualde, João Galamba disse aos jornalistas que se sente “extremamente motivado”, apesar da polémica com o ex-adjunto Frederico Pinheiro.

“De todo. pelo contrário. Sinto-me extremamente motivado, todos os dias. Motivado e a trabalhar para concretizar. É esse o meu trabalho e o meu mandato, e é isso que continuarei a fazer”, declarou o ministro das Infraestruturas.

Questionado se tem condições para continuar no cargo, João Galamba respondeu afirmativamente.

“Como se vê, continuo a ter todas as condições. Tinha, tenho e terei todas as condições, continuo a fazer o meu trabalho como sempre fiz, com grande empenho. Sinto-me bastante motivado”, sublinhou.

O ministro das Infraestruturas vai ser ouvido na quinta-feira, no Parlamento, no âmbito da comissão parlamentar de inquérito à gestão da TAP. João Galamba remete mais esclarecimentos para essa altura.

"Não me leve a mal, mas irei à comissão na quinta-feira e tenciona responder apenas e só na comissão de inquérito. Estamos hoje aqui a testemunhar e a ver uma grande obra e uma obra da maior importância para o país", declarou.


Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+