Tempo
|
A+ / A-

Legislativas 2022

CNE garante que mesas de voto são seguras

29 jan, 2022 - 11:28 • Redação com Lusa

É feito um apelo às pessoas para não irem todas votar às primeiras horas do dia, por forma a evitarem filas que poderão surgir em algumas mesas de voto por causa do voto em mobilidade.

A+ / A-

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) garante que o voto é seguro e apela a que todos os portugueses que compareçam domingo nas urnas, independentemente de estarem em isolamento.

"Os locais de votação foram preparados de modo a não existirem condições favoráveis ao contágio", disse Vera Penedo, a substituta do presidente da CNE.

Em conferência de Imprensa durante a manhã, no Parlamento, a representante da CNE deu conta do reforço das medidas de segurança contra a Covid-19. "Foram fornecidos aos membros de mesa e demais pessoas envolvidas no processo os equipamentos de proteção individual" e apelou aos cidadãos para respeitarem as recomendações das autoridades de saúde, notando ainda que "estarão disponíveis máscaras para as pessoas que as solicitem" nas assembleias e secções de voto.

A mesma responsável apelou também às pessoas para não irem todas votar às primeiras horas do dia, por forma a evitarem filas que poderão surgir em algumas mesas de voto por causa do voto em mobilidade.

"As votações antecipadas decorreram de forma tranquila. Sublinha-se, também, que a campanha eleitoral se desenrolou sem incidentes, tendo as candidaturas tido a oportunidade de apresentar as suas propostas e programas num quadro de normalidade democrática", referiu a dirigente da CNE, acompanhada ainda pelo porta-voz do organismo, João Tiago Machado, e pelo secretário da comissão, João Almeida.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+