Tempo
|
A+ / A-

Autárquicas 2021

​Rio “confiante” após campanha na qual “fez o melhor que sei e posso”

21 set, 2021 - 14:24 • Paula Caeiro Varela , Cristina Nascimento

Líder do PSD garante que, além dos resultados eleitorais, também o apoio e confiança que sente nas ruas pesa na hora de decidir se está ou não disponível para continuar à frente do partido.

A+ / A-

Com mais quatro dias de campanha pela frente, o presidente do PSD, Rui Rio, diz que está “confiante”, embora sem certezas absolutas do resultado do próximo domingo.

Numa ação de campanha, em Fafe, Rio lembra a sua experiencia política e autárquica e assegura que fez o melhor que sabia.

“Não fiz tudo o que queria, temos sempre problemas, mas fiz o melhor que sei e posso. Estou a fazer, que ainda não acabou”, acrescenta.

Ainda não acabou e mostra-se já “confiante”, dado o que sente e vê nas ruas.

“Vejo a aceitação das pessoas, vejo a dinâmica do próprio partido em cada local onde que vou e estou obviamente confiante“, diz, sublinhando que o PS faz uma “campanha diferente”, em que “primeiro-ministro não anda na rua, faz os comícios nos sítios por onde pára”.

Em entrevista à Renascença Rio admitia não se recandidatar à liderança do PSD se não alcançar resultados melhores do que os de há quatro anos. Nesta ação de campanha garante que não vai fugir dessa meta, mas diz também que nessa decisão pesa o acolhimento que sente.

“Quando na rua encontramos muita gente ou nos mandam mails ou SMS que mostram que acreditam e depositam uma grande esperança, obviamente que isso pesa na decisão. Pesa e de que maneira, ninguém gosta de desiludir“, remata.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+