Siga-nos no Whatsapp
A+ / A-

Publicada atualização extraordinária do complemento solidário para idosos

22 mai, 2024 - 19:39

Medida traduz-se num ganho mensal de 50 euros para os seus beneficiários.

A+ / A-

A portaria que aumenta o valor de referência do complemento solidário para idosos (CSI), traduzindo-se num ganho mensal de 50 euros para os seus beneficiários, foi publicada esta quarta-feira em Diário da República.

A atualização extraordinária tem efeitos a 1 de junho e coloca o valor de referência anual do CSI em 7.208 euros, um aumento de 600 euros face ao que estava em vigor desde janeiro e que representa uma atualização de 9,1% face ao que estava fixado para o ano de 2024.

"No âmbito do Programa do XXIV Governo Constitucional e para combater a pobreza, impõe-se aumentar gradualmente o valor de referência do CSI para um valor de 820 euros em 2028, tendo como objetivo a equiparação ao valor da retribuição mínima mensal garantida, na legislatura seguinte, e melhorar o acesso às prestações sociais para que, quem delas efetivamente necessita, possa delas beneficiar", lê-se no preâmbulo da portaria hoje publicada.

O Conselho de Ministros aprovou em 9 de maio a atualização extraordinária do valor de referência do CSI para este ano, que passa a ter um valor mensal de referência de 600 euros, em vez dos atuais 550 euros.

No mesmo Conselho de Ministros o executivo liderado por Luís Montenegro aprovou a eliminação dos rendimentos dos filhos dos beneficiários como fator de exclusão para a prestação social.

Na altura, Montenegro reafirmou o objetivo de que o valor de referência atinja os 820 euros até ao final da legislatura, mas admitiu antecipar o objetivo.

"Iremos fazer tudo para antecipar o alcançar desse objetivo", disse.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Maria Júlia Ramalho
    01 jun, 2024 Seixal 17:56
    Tenho 73,anos será que tenho direito ao complemento solidário para idosos

Destaques V+