Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Ordem dos Médicos. Plano para abrir centros de saúde no Natal é “positivo, mas insuficiente”

23 dez, 2023 - 22:36 • Marisa Gonçalves , Diogo Camilo

Mais de 180 centros de saúde abertos na véspera e no dia de Natal. Bastonário Carlos Cortes reclama uma visão “programada e não imediatista”.

A+ / A-

O bastonário da Ordem dos Médicos considera “positivo, mas insuficiente” o plano do Governo para os centros de saúde, referindo que falhou uma antecipação das medidas.

"Sabíamos que este período no final do ano iria acontecer. Temos esta situação desde outubro em que sabemos que muitos médicos se recusaram a fazer centenas de horas extraordinárias. Portanto, ia haver aqui uma maior carência em termos de recursos humanos, não só nos cuidados de saúde primários mas fundamentalmente nos cuidados hospitalares", considera o bastonário em declarações à Renascença.

"Sabemos o que aconteceu no ano passado, tivemos uma situação muito grave em termos de urgência. O que é necessário são medidas de fundo que estão sistematicamente a ser adiadas e em que possa haver condições para o SNS captar mais médicos", defende Carlos Cortes, que reclama uma visão “programada e não imediatista”.

"Estamos a atravessar dificuldades nos serviços de urgência hospitalares e também nos cuidados de saúde primários com falta de médicos de família em várias zonas do país, e com incidência maior em Lisboa, Grande Lisboa, Algarve e Alentejo e aí vai ser difícil dar essa resposta. Este período do frio acarreta mais infeções respiratórias, mais episódios de urgência, criando aqui uma pressão que esta ajuda dos cuidados de saúde primários é importante, obviamente, mas é insuficiente", afirma.

Na sexta-feira, o Ministério da Saúde revelou que mais de 180 centros de saúde do país vão estar abertos na véspera e no dia de Natal.

No sábado, 23 de dezembro, estarão abertos 234 centros de saúde e, no domingo, 24 de dezembro, 191 unidades. Também na segunda-feira, dia de Natal, estarão operacionais 187 centros de saúde. São números semelhantes aos do ano passado e que representam menos de um centro de saúde por concelho.

A medida insere-se no Plano Estratégico para a Resposta Sazonal em Saúde – Inverno 2023-2024, operacionalizado pelos Agrupamentos de Centros de Saúde e Administrações Regionais de Saúde, em articulação com a Direção Executiva do SNS.

Confira a lista de centros de saúde que vão estar abertos durante as festas de Natal:

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+