Tempo
|
A+ / A-

Pré-avisos de greve até setembro aumentam 290% no Estado e 50% no privado

31 out, 2023 - 17:32 • Lusa

A grande maioria das greves na administração pública registou-se no setor da educação, seguindo-se a saúde e a justiça.

A+ / A-

Os pré-avisos de greve na administração pública aumentaram cerca de 290% entre janeiro e setembro face ao período homólogo, totalizando 700, e os comunicados ao Ministério do Trabalho subiram quase 50%, para 1.075, segundo dados oficiais.

De acordo com os dados da Direção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP), até setembro foram comunicados 700 pré-avisos de greve da função pública, que compara com um total de 180 pré-avisos em igual período do ano passado.

A grande maioria das greves na administração pública registou-se no setor da educação (537), seguindo-se a saúde (51) e a justiça (51).

Já os dados da Direção-Geral do Emprego e das Relações do Trabalho (DGERT) mostram que foram comunicados nos setores privado e empresarial do Estado 1.075 pré-avisos de greve entre janeiro e setembro, um aumento em 48,9% em comparação com o período homólogo.

Tendo em conta os dados da DGERT, a maioria dos pré-avisos de greve verificaram-se no setor privado, com 648, enquanto no setor empresarial do Estado foram entregues 430, tendo sido registados 156 processos de serviços mínimos.

A subida dos salários para fazer face ao aumento do custo de vida devido à inflação tem sido um dos principais motores dos protestos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+