Tempo
|
A+ / A-

Detetada gripe das aves numa exploração de patos em Santarém

02 set, 2022 - 20:48 • Lusa

Desde de 30 de novembro de 2021, a Direção-Geral de Alimentação e Veterinária já detetou 26 focos de gripe aviária.

A+ / A-

Foi detetada gripe das aves numa exploração comercial de patos de engorda, em Santarém, aumentando para 26 os focos confirmados em Portugal, informou esta sexta-feira a Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV).

"No dia 1 de setembro foi confirmado novo foco de infeção por vírus da gripe aviária (GA) numa exploração comercial de patos de engorda, na freguesia de Santo Estêvão, concelho de Benavente, distrito de Santarém", lê-se num comunicado da DGAV.

Em Portugal, o primeiro foco de gripe aviária foi detetado em 30 de novembro de 2021, numa capoeira doméstica, em Palmela, distrito de Setúbal.

Desde então e até 1 de setembro, foram confirmados 26 focos em Portugal, correspondendo 18 dos quais a aves domésticas, incluindo explorações comerciais de perus, galinhas e patos, uma coleção privada de aves, capoeiras domésticas e aves em parque urbano.

Somam-se ainda oito focos confirmados em aves selvagens.

As medidas de controlo já foram implementadas e incluem a inspeção do local onde foi detetada a doença e o abate dos animais afetados, bem como a inspeção e notificação das explorações com aves nas zonas de proteção, "num raio de três quilómetros em redor do foco, e de vigilância, num raio de 10 quilómetros em redor do foco".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+