Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Nisa

Militar da GNR foi trabalhar alcoolizado, tentou destruir provas e acabou detido

26 ago, 2022 - 13:19 • Celso Paiva Sol

Em comunicado, a GNR adianta que o guarda de 21 anos terá acompanhamento psicológico enquanto decorre o processo disciplinar interno.

A+ / A-

A Guarda Nacional Republicana (GNR) confirmou esta sexta-feira que um militar do seu posto de Nisa foi detido por se ter apresentado ao serviço sob o efeito de álcool.

O guarda em causa, de 21 anos, testou uma taxa de álcool de 1,19 durante o seu turno de trabalho, entre as 8h da manhã e as 4h da tarde do passado dia 15 de agosto.

Em comunicado, a GNR adianta que, quando confrontado com o resultado do teste, o militar tentou destruir essa prova.

“O militar, quando confrontado com o resultado do teste em causa, apresentou um comportamento desajustado, alterado e tentou destruir as provas, nomeadamente o registo e resultado do teste de alcoolémia", explica a GNR.

Acabou detido na cela do próprio posto onde trabalha pelo "crime de insubordinação e desobediência".

Enquanto decorre o processo disciplinar interno, o guarda irá ter acompanhamento psicológico no centro clínico da GNR.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+