Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Bastonário

Crise nas urgências com médicos a saírem. “Já ultrapassámos a linha vermelha”

23 ago, 2022 - 08:50 • Anabela Góis com redação

Esta terça-feira há, pelo menos, cinco hospitais com os blocos de partos ou urgências obstétricas fechadas.

A+ / A-

Se o Governo não encontrar alternativas a situação nos serviços de urgência e obstetrícia e ginecologia vai agravar-se. O alerta é do bastonário da Ordem dos Médicos, quem tem uma reunião com os médicos destas especialidades.

À Renascença, Miguel Guimarães diz que os serviços vão continuar comprometidos caso os médicos se rejeitarem a cumprir as 150 horas extraordinárias.

Mas alerta para o facto de, neste momento, se estar a viver a situação pior: “Há muitos médicos, todos os dias, a saírem do Serviço Nacional de Saúde. Já não tem declarações de escusas de responsabilidade, já não dizem que não fazer mais horas extraordinárias…vão embora. Já ultrapassámos a linha vermelha”.

Há um mês que os médicos de obstetrícia e ginecologia aguardam uma resposta da tutela à carta onde indicam que não pretendem cumprir as 150 horas extraordinárias e onde avançaram com escusas de responsabilidade, sempre que as escalas não estiverem garantidas.

Esta terça-feira há, pelo menos, cinco hospitais com os blocos de partos ou urgências obstétricas fechadas.

Na Maternidade Alfredo da Costa, a maior do país o bloco de partos fecha às 21h00 e reabre apenas na sexta-feira de manhã.

No hospital Beatriz Ângelo, em Loures, o bloco de partos fecha à meia-noite e só reabre amanhã às 8h00.

O Centro Hospitalar Barreiro-Montijo também encerra o boco de partos da meia-noite até às 21h00 amanhã. O mesmo acontece com o bloco de partos do hospital de Santarém.

Em Abrantes não há médicos para assegurarem a urgência de obstetrícia e o bloco de partos a partir das 21h00 e durante 24 horas.

O portal do SNS disponibiliza informação sobre os serviços de urgência com constrangimentos em diferentes zonas do país.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Maria
    23 ago, 2022 Palmela 10:18
    E um exagero consulta disto consulta daquilo" exames disto exames daquilo!

Destaques V+