Tempo
|
A+ / A-

Setúbal. Município proíbe circulação de veículos na Arrábida

12 jul, 2022 - 15:37 • Rosário Silva

A medida, justificada pela situação de contingência, mantém-se em vigor até ao próximo domingo, dia 17. Só circulam residentes, utentes do Hospital do Outão e transportes públicos.

A+ / A-

O acesso de veículos automóveis e motorizados está interditado em todo o Parque Natural da Arrábida (PNA) desde esta terça-feira e até às 20h00 de dia 17 de julho, em consequência do cumprimento do Despacho da Declaração da Situação de Contingência emitido pelo Governo.

Por causa do agravamento da situação meteorológica prevista para esta semana, com aumento das temperaturas e ventos fortes, a Comissão Municipal de Proteção Civil de Setúbal reforçou o nível de prevenção de incêndios.

Em comunicado, enviado à Renascença, a Câmara Municipal de Setúbal indica que as únicas exceções admitidas, em matéria de circulação veículos motorizados no PNA, prendem-se com “os residentes permanentes ou temporários, utilizadores do Hospital do Outão, assim como pessoas com atividade profissional no Parque Natural da Arrábida”.

Apenas quem estiver nestas condições, “é permitido o acesso, circulação e permanência, desde que estejam credenciados ou façam prova documental da necessidade do acesso e transportes públicos”.

A medida preventiva, esclarece a autarquia, “visa reforçar e salvaguardar a segurança de pessoas, nomeadamente no acesso às praias da Arrábida”, cumprindo o modelo definido no despacho do Governo, de reduzir ao mínimo a carga da presença humana em territórios florestais.

“Os cortes de trânsito serão feitos em Setúbal, no final da Avenida Luísa Todi, início da Estrada da Rasca, passando a ser obrigatório circular para a Travessa “Casa de Saúde” e Avenida José Mourinho, e em Azeitão, na Estrada Nacional de Azeitão/Sesimbra, sentido Portinho da Arrábida, com corte de trânsito no cruzamento do Pinheiro”, informa o município sadino.

Também os parques de merendas existentes no concelho de Setúbal, nomeadamente o da Gâmbia, Pontal de Musgos e do Alambre, estão encerrados à população durante este período excecional.

Estão igualmente suspensos todos os trabalhos operacionais de gestão de combustível.

Entretanto, o Serviço Municipal de Proteção Civil, aproveita também para a que, na medida do possível, se evite andar na rua e realizar atividade física entre as 11h00 e as 18h00, “optando-se por locais frescos e evitando concentrações de pessoas em locais como as praias da Arrábida, com especial cuidado para crianças e idosos, uma vez que o índice de ozono se elevará ao máximo”.

De acordo com o IPMA (Instituto Português do Mar e da Atmosfera) prevêem-se valores de temperatura máxima, “em especial da região Sul, entre 38 e 42°C, e vento muito forte”, com o tempo quente a persistir, pelo menos, até dia 15.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+