Tempo
|
A+ / A-

Portugal com menos casos, mas mais mortes por Covid-19 na última semana

10 jun, 2022 - 18:24 • Redação

Há menos 101 pessoas internadas, embora o número de pacientes nas unidades de cuidados intensivos tenha aumentado. Índice de transmissibilidade desce do 1,00.

A+ / A-

Portugal registou 158.534 novos casos de Covid-19 e 292 mortes na semana entre 31 de maio e 6 de junho, conforme indica o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta sexta-feira.

São menos 15.479 novas infeções, mas mais 68 novos óbitos (tinham-se registado 220) em comparação com a semana anterior.

Por outro lado, há menos 101 pessoas internadas com Covid-19, para um total de 1.991, ainda que haja mais um paciente em unidades de cuidados intensivos (total de 108).

Na primeira semana de junho, Portugal registou uma taxa de mortalidade de 28 casos por milhão de habitantes, um aumento de 30%.

A faixa etária com mais mortes, entre 31 de maio e 6 de junho, foi a dos maiores de 80 anos, com um total de 229 óbitos.

A faixa etária dos maiores de 80 anos teve mais internamentos na última semana (835), seguida dos 70-79 anos (496) e dos 60-69 anos (245).

A taxa de incidência é agora de 1.539 casos de Covid-19 por 100 mil habitantes, uma descida de 9%.

O índice de transmissibilidade (Rt) está em 0,98, o que indica uma tendência decrescente. Cada doente com Covid-19 infeta, em média, outra pessoa, praticamente.

Lisboa e Vale do Tejo e Madeira contrariam tendência decrescente das restantes regiões


Por regiões, Lisboa e Vale do Tejo registou 69.545 casos entre 31 de maio e 6 de junho, mais 3.337 do que no período anterior, e 96 óbitos, mais 38.

É, juntamente com a Madeira, a única região que registou um aumento no parâmetro das novas infeções. No arquipélago, houve 4.512 novos casos, mais 1.149 do que no período anterior, e três óbitos, menos um.

A região Centro contabilizou 22.181 casos (menos 3.547) e 66 mortes (mais 15) e o Norte totalizou 45.632 casos de infeção (menos 13.725) e 83 mortes (menos uma).

No Alentejo foram registados 6.789 casos positivos (menos 289) e 21 óbitos (mais dez) e no Algarve verificaram-se 5.558 infeções pelo SARS-CoV-2 (menos 392) e 16 mortes (mais seis que na semana passada).

Os Açores tiveram 4.317 novos contágios na primeira semana de junho (menos 2.012) e sete mortes (mais uma).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+