Tempo
|
A+ / A-

Notícia Renascença

Chamadas para o SNS 24 triplicaram nas últimas três semanas

13 mai, 2022 - 20:26 • Cristina Nascimento

Serviço telefónico vai ter as escalas reforçadas enquanto a situação se justificar, embora os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde indiquem que não têm registo de queixas de utentes com dificuldades no acesso aos serviços telefónicos.

A+ / A-

O número de chamadas para a linha SNS 24 triplicou nas últimas três semanas. De acordo com dados avançados à Renascença pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS), o número médio de chamadas diárias para a linha telefónica subiu de 16.800 na semana entre 25 a 29 de abril para 52.100 entre 9 e 13 de maio.

Para fazer face a este aumento da procura, os responsáveis pela linha SNS 24 decidiram fazer um reforço nas escalas que vai vigorar enquanto a situação se justificar.

Apesar do aumento da procura, os SPMS garantem que não têm registo de queixas de utentes com dificuldades em aceder aos serviços telefónicos.

O número de telefonemas para o SNS 24 está em linha com o aumento de casos de Covid-19 registado desde que o Governo aprovou o fim da obrigatoriedade de máscaras em espaços fechados, a 22 de abril.

Na última semana, Portugal tornou-se o líder mundial de incidência na última semana, entre países com mais de um milhão de habitantes.

A Direção-Geral de Saúde (DGS) divulgou esta sexta-feira que foram confirmados mais de 26 mil novos casos no dia anterior, um novo máximo desde fevereiro, tendo sido registadas 29 vítimas mortais da pandemia, o número mais alto de mortes desde 29 de março deste ano.

Entretanto, a BA.5, mais recente linhagem da variante ómicron do coronavírus SARS-CoV-2, que aparenta ser mais contagiosa, mas não demonstra ser mais grave, deverá já ser dominante em Portugal, estima o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA).

Em declarações à Renascença, a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, disse esta sexta-feira que "não há que ter vergonha em usar máscara", apesar de já não ser obrigatória na maioria das ocasiões.

Graça Freitas diz que usa máscara em locais fechados onde estejam outras pessoas e defende que esta deve ser uma prática a adotar, depois de avaliado o risco de contágio. Por isso, tendo em conta os eventos de massas que se preveem para os próximos tempos, recomenda veementemente o uso da máscara.

Os idosos com mais de 80 anos e os residentes em lares de terceira idade começam a receber a quarta dose da vacina para a Covid-19 a partir de segunda-feira, anunciou na quinta-feira a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Antonio Lemos
    16 mai, 2022 Evora 18:12
    Gostava que me informassem como proceder para ser atendido pelo Sns24 por motivo de covid - como sugerem. Já vai para o 3 dia de tentativas e só me dao musica

Destaques V+