Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Desmantelada rede de cibercrime. PJ deteve seis pessoas por burla

12 abr, 2022 - 11:50 • Olímpia Mairos

“Operação Marbello” levou a cabo oito mandados de buscas. Usavam métodos conhecidos por 'Ceo Fraud' e 'Phishing' para aceder ao correio eletrónico das vítimas.

A+ / A-

A Polícia Judiciária deteve seis pessoas no concelho da Amadora suspeitas por burla informática. O prejuízo é superior a 350 mil euros.

Os arguidos, quatro mulheres e dois homens - com idades entre os 30 e 49 anos e todos de nacionalidade estrangeira - estão indiciados pela “prática dos crimes de acesso ilegítimo, burla informática, falsidade informática e branqueamento”, indica em comunicado enviado à redação.

Durante a "operação Marbello” foram realizados oito mandados de busca domiciliária.

Os suspeitos, com recurso a esquemas vulgarmente conhecidos por “Ceo Fraud” e “Phishing”, acediam “ilegitimamente ao correio eletrónico das vítimas, essencialmente cidadãos ou empresas estrangeiras, e assumiam a sua posição em eventuais negócios que estavam a realizar”.

A PJ esclarece ainda que “as transferências bancárias que se seguiam eram feitas para contas bancárias de sociedades/empresas sem qualquer atividade e criadas em Portugal para o efeito, proporcionando o branqueamento dos capitais provenientes do crime”.

Os detidos vão ser presentes às autoridades judiciárias competentes, para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+