Tempo
|
A+ / A-

Portugal ultrapassa barreira dos nove milhões com vacinação completa

04 mar, 2022 - 19:24 • Lusa

Mais de nove milhões de pessoas (9.000.183) em Portugal já têm a vacinação primária completa contra a covid-19, depois de na quinta-feira terem sido vacinadas mais 1.186, informou hoje a Direção-Geral da Saúde (DGS).

A+ / A-

Segundo o boletim diário da DGS, desde que arrancou o plano de imunização contra a covid-19 em 27 de dezembro de 2020, foi ultrapassada a barreira dos nove milhões de pessoas com a vacinação primária completa.

Também o reforço da vacinação está prestes a ultrapassar a barreira dos seis milhões de doses administradas, situando-se o total na quinta-feira nos 5.926.191, dia em que foram administradas mais 6.372 vacinas.

Com a vacinação primária completa estão também agora 179.499 (mais 86 na quinta-feira face ao dia anterior) crianças entre os 05 e os 11 anos e 334.460 (mais 35) já receberam a primeira dose, indica ainda a DGS.

De acordo com o boletim diário da DGS, foram vacinados até quinta-feira com a dose para reforçar a imunização contra o coronavírus SARS-CoV-2 624.643 idosos com 80 ou mais anos, que representam 94% deste escalão etário, assim como 937.582 pessoas entre os 70 e os 79 anos (97%).

De acordo com os dados hoje divulgados, um total de 1.144.116 pessoas entre os 60 e 69 anos (91%) já estão vacinadas com o reforço, bem como 1.133.028 entre os 50 e 59 anos (80%), 971.918 entre os 40 e 49 anos (65%), 584.722 entre os 30 e 39 anos (38%) e 530.181 entre os 18 e os 29 anos (42%).

O boletim da DGS indica igualmente que 2.597.999 pessoas, mais 205 na quinta-feira, já receberam a vacina contra a gripe sazonal.

A covid-19 provocou pelo menos 5.962.297 mortos em todo o mundo desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 21.162 pessoas e foram contabilizados 3.308.438 casos de infeção, segundo a última atualização da Direção-Geral da Saúde.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+