Tempo
|
A+ / A-

​Covid-19 em Portugal. Janeiro ultrapassa ano de 2021 em número de casos

26 jan, 2022 - 16:26 • Marta Grosso e Ricardo Vieira

O ritmo de novos casos disparou neste mês janeiro, com a chegada em força da variante Ómicron a Portugal.

A+ / A-

Veja também:


Portugal já registou em janeiro deste ano mais casos de Covid-19 do que em todo o ano passado, de acordo com os dados dos boletins da Direção-Geral da Saúde (DGS) compilados pela Renascença.

Ao longo de todo o ano de 2021, foram confirmados quase 975 mil (974.910) infeções pelo novo coronavírus.

O ritmo de casos disparou neste mês janeiro, com a chegada em força da variante Ómicron a Portugal.

Entre 1 e 26 de janeiro foram registados nos boletins da DGS um total 988.172 casos de Covid-19, mais 13 mil do que nos 12 meses de 2021.

Em relação ao número de mortes por Covid-19, em 2021 faleceram 10.108 pessoas em Portugal, de acordo com a soma dos dados oficiais da DGS.

Entre 1 e 26 de janeiro deste ano, morreram 748 pessoas, o equivalente a cerca de 29 óbitos por dia.

Desde a chegada da pandemia a Portugal, em março de 2020, estão confirmadas 19.703 mortes, dois milhões 377 casos e um milhão 842 recuperados.

Portugal registou esta quarta-feira um novo máximo diário de 65.578 novos casos de Covid-19 desde o início da pandemia, indica o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde.

Na soma de casos ativos e contactos de vigilância, Portugal tem esta quarta-feira um novo máximo a rondar um milhão e 62 mil pessoas em isolamento.

Evolução da Covid-19 em Portugal

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+